8 em cada 10 mortos no Brasil pelo coronavírus têm comorbidades; cardiopatia e diabetes

A Bigorna 04/04/2020 18:20:00 724 visualizações
# legenda: Saúde Pública

Entre os mortos confirmados pela Covid-19 e investigados pelo Ministério da Saúde até o momento, 8 em cada 10 apresentavam pelo menos um fator de risco associado, a chamada comorbidade. Entre eles, quase 9 em cada 10 tinham mais de 60 anos.

Quadros de cardiopatia foram a principal condição associada aos óbitos investigados: 57% do total até sexta (3). Em segundo lugar vêm os diabéticos, com 40% do total de mortos, quadros de pneumopatia (16%) e doenças neurológicas (10,5%).

Outras comorbidades, como casos renais, de obesidade e asma, aparecem com prevalência menor no total. Os dados fazem parte do novo Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde obtido pela Folha.

Separando apenas os mortos com menos de 60 anos, diabetes, cardiopatias e obesidade foram as comorbidades mais detectadas.

Dos 359 óbitos registrados até sexta, 286 (80%) já possuem investigação totalmente concluída pelo Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública no ministério.

Médicos e infectologistas em vários estados vêm aguardando com ansiedade as estatísticas associadas aos óbitos. Os dados são fundamentais para que se possa construir um cenário mais realista de como a epidemia afeta a sociedade.

A avaliação é a de que só depois de delimitar, com base empírica ampla, como o vírus ataca mortalmente certos grupos e pessoas é que será seguro adotar medidas menos restritivas de isolamento coletivo.(Da Folha de SP)

Contato:

WhatsApp (14) 9.9705-7070
Fone: (14) 9.9705-7070
Email: contato@jornalabigornaavare.com.br