Polícia Civil esclarece duplo assassinato na região em menos de 24 horas

A Bigorna 09/12/2019 08:40:00 1275 visualizações
Polícia Civil esclarece duplo assassinato na região em menos de 24 horas legenda: Casos de polícia Foto Fonte: Polícia Civil

A Polícia Civil esteve empenhada na apuração de dois assassinatos registrados no último final de semana em cidades da região. Como resultado, chegou ao esclarecimento de ambos os casos, em um prazo de menos de 24 horas. Na manhã de sábado, dia 7/12, em Itaporanga, uma mulher de 51 anos foi esfaqueada dentro de casa. À noite, na zona rural de Cerqueira César, um rapaz de 24 anos também foi vítima de golpes de faca e veio a óbito.

O crime em Itaporanga foi praticado pelo ex-namorado da vítima. Testemunhas teriam visto o homem invadir a casa da mulher e sair após uma longa discussão com ela. Uma vizinha escutou gritos de socorro, foi até o local e deparou-se com a vítima ensanguentada e aparentemente sem vida. O serviço de emergência do município foi acionado e constatou a morte. A faca utilizada para ferir a mulher estava ao lado do corpo e foi apreendida.

De acordo com o boletim de ocorrência, o caso foi registrado como feminicídio (homicídio praticado em um contexto de diferença de gênero). Para a Delegacia de Itaporanga, os indícios de autoria são bastante robustos. Primeiro porque o suspeito foi visto entrando e saindo do local do crime. E segundo informações, ele teria confessado a um morador que matou a ex-namorada para se defender. A versão do agressor é de que ela teria atacado ele com faca primeiro. Mas para os investigadores essa versão não se sustenta.

Logo após o fato, tanto a Polícia Civil quanto a Polícia Militar realizaram diligências visando localizar o suspeito, porém ele não foi encontrado até o momento e sua condição criminal é de foragido da Justiça. Um inquérito policial foi instaurado para dar continuidade ao caso.

Em Cerqueira César, mesmo com parcas informações disponíveis no momento do crime, a Polícia Civil local trabalhou rápido e conseguiu desvendar a autoria. Sabe-se que vítima e autor estariam em um estabelecimento comercial quando, por motivos a serem melhor esclarecidos em inquérito policial, houve um desentendimento entre ambos e a agressão à faca que levou a vítima à morte.

O homem chegou a ser atendimento no pronto socorro da cidade e depois na Santa Casa de Avaré, mas não resistiu aos ferimentos. O agressor fugiu e apesar das buscas realizadas não foi localizado.

Segundo o boletim de ocorrência, o suspeito foi descrito como sendo um homem de estatura alta, de cor parda, magro, com barba e bigode. Com base nessas características físicas e no depoimento de uma testemunha chave ele já foi identificado, mas sua identidade não foi revelada para não atrapalhar as investigações. Ele também é considerado foragido.

Contato:

WhatsApp (14) 9.9705-7070
Fone: (14) 9.9705-7070
Email: contato@jornalabigornaavare.com.br