Marialva denuncia que creches estariam pedindo material escolar e fraldas

A Bigorna 14/02/2020 08:30:00 703 visualizações
# legenda: Política

A vereadora tucana  Marialva Biazon utilizou a Palavra Livre e destacou uma denúncia de que a Secretaria Estadual de Educação, segundo informações extraoficiais, estaria pedindo às mães de alunos que frequentam creches no Município, que levem, como parte da lista de material escolar, luvas de procedimento e fraldas descartáveis.

“Tem algo errado nisso ou não tem? É possível imaginar uma mãe, carente, quase sempre sem condições de adquirir fraldas para usar em seus filhos, ter que fornecer esse produto como material escolar?

Segundo Marialva existem recursos que podem ser usados para essa especificidade, e destacou, “O senhor prefeito não vai transferir a responsabilidade, que é da atual Administração local, para os pais e mães de alunos”, disse, no final de suas palavras.  

Defesa dos taxistas

A vereadora também  comentou sobre os motoristas de táxi de Avaré que, segundo informações, estariam passando por problemas sérios.

“O senhor prefeito encaminhou uma lei (2.248/18) regulamentando o funcionamento do aplicativo Uber. Porém, essa questão não foi solucionada até o momento. Com isso, os taxistas competem de forma desigual com quem trabalha com base naquele aplicativo”, afirmou ao lembrar que a Prefeitura mantém cobrança regular de todos os tributos junto aos motoristas cadastrados, mas não faz o mesmo com os funcionários do aplicativo".- frisou.

Marialva ainda destacou que, “Os taxistas, que já não tinham uma grande demanda de serviço, caso não seja feita a devida regulamentação, terão que fechar seus pontos."

Contato:

WhatsApp (14) 9.9705-7070
Fone: (14) 9.9705-7070
Email: contato@jornalabigornaavare.com.br