Perseguição policial termina com 2 mortos em SP

A Bigorna 12/01/2020 08:10:00 1325 visualizações
# legenda: Casos de polícia

Um técnico em telefonia morreu e uma mulher ficou gravemente ferida após serem atingidos por balas perdidas durante suposto tiroteio entre PMs e suspeitos de cometerem roubos na região do Jaguaré (zona oeste de SP), na noite de sexta-feira (10). Um dos ladrões também acabou morto.

Segundo a SSP (Secretaria da Segurança Pública), policias militares em patrulhamento na avenida Queiroz Filho foram acionados a respeito de um veículo Ford Focus, ocupado por quatro pessoas que estariam praticando assaltos pela região.

Após localizarem o carro, os policias começaram uma perseguição, e, segundo eles, neste momento um dos suspeitos atirou de dentro do Focus contra os PMs.

Houve troca de tiros e uma mulher, de 50 anos, que andava pela via, foi atingida por uma bala perdida.

Em nota, a SSP afirma que o confronto continuou pela via, até que um dos suspeitos foi atingido pelos policias. Giliarde João da Silva, 27 anos, foi socorrido e levado ao Hospital Universitário, onde morreu.

As outras três pessoas ocupantes do carro conseguiram fugir.

O funcionário de uma empresa de telefonia que fazia reparos em uma rede de fibra ótica também na rua Queiroz Filho, foi atingido por uma outra bala perdida do tiroteio. David de Oliveira Leite, 28 anos, foi socorrido e levado ao Hospital das Clínicas, mas não resistiu.

Já a mulher atingida pelo disparo foi socorrida pelo marido e levada ao Hospital da Lapa, mas acabou transferida para o Hospital das Clínicas, onde permanece internada em estado grave.

A arma que teria sido utilizada por Silva, um revólver calibre 38, foi encaminhado à perícia, assim como a arma dos policiais. O veículo Ford Focus também foi apreendido. O caso será investigado pelo DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa).(DaF.S.Paulo)

Contato:

WhatsApp (14) 9.9705-7070
Fone: (14) 9.9705-7070
Email: contato@jornalabigornaavare.com.br